Todo o dia é o dia de começar, continuar, recomeçar e se dar uma nova chance. Estar na presença de Deus é tudo na vida de uma pessoa e ler a sua Palavra Sagrada pode fazer a diferença entre vencer e perder. Faça a sua escolha e seja um VENCEDOR EM CRISTO JESUS. LEIA A BÍBLIA A PARTIR DE AGORA!

sexta-feira, 21 de março de 2014

Leitura Bíblica 80º dia



Números 32
 1         E OS filhos de Rúben e os filhos de Gade tinham gado em grande quantidade; e viram a terra de Jazer, e a terra de Gileade, e eis que o lugar era lugar de gado.

2         Vieram, pois, os filhos de Gade, e os filhos de Rúben e falaram a Moisés e a Eleazar, o sacerdote, e aos chefes da congregação, dizendo:

3         Atarote, e Dibom, e Jazer, e Ninra, e Hesbom, e Eleale, e Sebã, e Nebo, e Beom,

4         A terra que o Senhor feriu diante da congregação de Israel, é terra para gado, e os teus servos têm gado.

5         Disseram mais: Se achamos graça aos teus olhos, dê-se esta terra aos teus servos em possessão; e não nos faças passar o Jordão.

6         Porém Moisés disse aos filhos de Gade e aos filhos de Rúben: Irão vossos irmãos à peleja, e ficareis vós aqui?

7         Por que, pois, desencorajais o coração dos filhos de Israel, para que não passem à terra que o Senhor lhes tem dado?

8         Assim fizeram vossos pais, quando os mandei de Cades-Barnéia, a ver esta terra.

9         Chegando eles até ao vale de Escol, e vendo esta terra, desencorajaram o coração dos filhos de Israel, para que não entrassem na terra que o Senhor lhes tinha dado.

10       Então a ira do Senhor se acendeu naquele mesmo dia, e jurou dizendo:

11       Que os homens, que subiram do Egito, de vinte anos para cima, não verão a terra que jurei a Abraão, a Isaque, e a Jacó! porquanto não perseveraram em seguir-me;

12       Exceto Calebe, filho de Jefoné o quenezeu, e Josué, filho de Num, porquanto perseveraram em seguir ao Senhor.

13       Assim se acendeu a ira do Senhor contra Israel, e fê-los andar errantes pelo deserto quarenta anos até que se consumiu toda aquela geração, que fizera mal aos olhos do Senhor.

14       E eis que vós, uma geração de homens pecadores, vos levantastes em lugar de vossos pais, para ainda mais acrescentar o furor da ira do Senhor contra Israel.

15       Se vós vos virardes de segui-lo, também ele os deixará de novo no deserto, e destruireis a todo este povo.

16       Então chegaram-se a ele, e disseram: Edificaremos currais aqui para o nosso gado, e cidades para as nossas crianças;

17       Porém nós nos armaremos, apressando-nos adiante dos de Israel, até que os levemos ao seu lugar; e ficarão as nossas crianças nas cidades fortes por causa dos moradores da terra.

18       Não voltaremos para nossas casas, até que os filhos de Israel estejam de posse, cada um, da sua herança.

19       Porque não herdaremos com eles além do Jordão, nem mais adiante; porquanto nós já temos a nossa herança aquém do Jordão, ao oriente.

20       Então Moisés lhes disse: Se isto fizerdes assim, se vos armardes à guerra perante o Senhor;

21       E cada um de vós, armado, passar o Jordão perante o Senhor, até que haja lançado fora os seus inimigos de diante dele,

22       E a terra esteja subjugada perante o Senhor; então voltareis e sereis inculpáveis perante o Senhor e perante Israel; e esta terra vos será por possessão perante o Senhor;

23       E se não fizerdes assim, eis que pecastes contra o Senhor; e sabei que o vosso pecado vos há de achar.

24       Edificai cidades para as vossas crianças, e currais para as vossas ovelhas; e fazei o que saiu da vossa boca.

25       Então falaram os filhos de Gade, e os filhos de Rúben a Moisés, dizendo: Como ordena meu senhor, assim farão teus servos.

26       As nossas crianças, as nossas mulheres, o nosso gado, e todos os nossos animais estarão aí nas cidades de Gileade.

27       Mas os teus servos passarão, cada um armado para a guerra, a pelejar perante o Senhor, como tem falado o meu senhor.

28       Então Moisés deu ordem acerca deles a Eleazar, o sacerdote, e a Josué filho de Num, e aos cabeças das casas dos pais das tribos dos filhos de Israel.

29       E disse-lhes Moisés: Se os filhos de Gade e os filhos de Rúben passarem convosco o Jordão, armado cada um para a guerra, perante o Senhor, e a terra estiver subjugada diante de vós, em possessão lhes dareis a terra de Gileade.

30       Porém, se não passarem armados convosco, terão possessões entre vós, na terra de Canaã.

31       E responderam os filhos de Gade e os filhos de Rúben, dizendo: O que o Senhor falou a teus servos, isso faremos.

32       Nós passaremos, armados, perante o Senhor, à terra de Canaã, e teremos a possessão de nossa herança aquém do Jordão.

33       Assim deu-lhes Moisés, aos filhos de Gade, e aos filhos de Rúben, e à meia tribo de Manassés, filho de José, o reino de Siom, rei dos amorreus, e o reino de Ogue, rei de Basã; a terra com as suas cidades nos seus termos, e as cidades ao seu redor.

34       E os filhos de Gade edificaram a Dibom, e Atarote, e Aroer;

35       E Atarote-Sofã, e Jazer, e Jogbeá;

36       E Bete-Ninra, e Bete-Harã, cidades fortes; e currais de ovelhas.

37       E os filhos de Rúben edificaram a Hesbom, e Eleale, e Quiriataim;

38       E Nebo, e Baal-Meom, mudando-lhes o nome, e Sibma; e os nomes das cidades que edificaram chamaram por outros nomes.

39       E os filhos de Maquir, filho de Manassés, foram-se para Gileade, e a tomaram; e daquela possessão expulsaram os amorreus que estavam nela.

40       Assim Moisés deu Gileade a Maquir, filho de Manassés, o qual habitou nela.

41       E foi Jair, filho de Manassés, e tomou as suas aldeias; e chamou-as Havote-Jair.

42       E foi Nobá, e tomou a Quenate com as suas aldeias; e chamou-a Nobá, segundo o seu próprio nome.


Números 33.1-39

1         ESTAS são as jornadas dos filhos de Israel, que saíram da terra do Egito, segundo os seus exércitos, sob a direção de Moisés e Arão.

2         E escreveu Moisés as suas saídas, segundo as suas jornadas, conforme ao mandado do Senhor; e estas são as suas jornadas, segundo as suas saídas.

3         Partiram, pois, de Ramessés no primeiro mês, no dia quinze do primeiro mês; no dia seguinte da páscoa saíram os filhos de Israel por alta mão, aos olhos de todos os egípcios,

4         Enquanto os egípcios enterravam os que o Senhor tinha ferido entre eles, a todo o primogênito, e havendo o Senhor executado juízos também contra os seus deuses.

5         Partiram, pois, os filhos de Israel de Ramessés, e acamparam-se em Sucote.

6         E partiram de Sucote, e acamparam-se em Etã, que está no fim do deserto.

7         E partiram de Etã, e voltaram a Pi-Hairote, que está defronte de Baal-Zefom, e acamparam-se diante de Migdol.

8         E partiram de Pi-Hairote, e passaram pelo meio do mar ao deserto, e andaram caminho de três dias no deserto de Etã, e acamparam-se em Mara.

9         E partiram de Mara, e vieram a Elim, e em Elim havia doze fontes de águas e setenta palmeiras, e acamparam-se ali.

10       E partiram de Elim, e acamparam-se junto ao Mar Vermelho.

11       E partiram do Mar Vermelho, e acamparam-se no deserto de Sim.

12       E partiram do deserto de Sim, e acamparam-se em Dofca.

13       E partiram de Dofca, e acamparam-se em Alus.

14       E partiram de Alus, e acamparam-se em Refidim; porém não havia ali água, para que o povo bebesse.

15       Partiram, pois, de Refidim, e acamparam-se no deserto de Sinai.

16       E partiram do deserto de Sinai, e acamparam-se em Quibrote-Taavá.

17       E partiram de Quibrote-Taavá, e acamparam-se em Hazerote.

18       E partiram de Hazerote, e acamparam-se em Ritmá.

19       E partiram de Ritmá, e acamparam-se em Rimom-Perez.

20       E partiram de Rimom-Perez, e acamparam-se em Libna.

21       E partiram de Libna, e acamparam-se em Rissa.

22       E partiram de Rissa, e acamparam-se em Queelata.

23       E partiram de Queelata, e acamparam-se no monte de Séfer.

24       E partiram do monte de Séfer, e acamparam-se em Harada.

25       E partiram de Harada, e acamparam-se em Maquelote.

26       E partiram de Maquelote, e acamparam-se em Taate.

27       E partiram de Taate, e acamparam-se em Tara.

28       E partiram de Tara, e acamparam-se em Mitca.

29       E partiram de Mitca, e acamparam-se em Hasmona.

30       E partiram de Hasmona, e acamparam-se em Moserote.

31       E partiram de Moserote, e acamparam-se em Bene-Jaacã.

32       E partiram de Bene-Jaacã, e acamparam-se em Hor-Hagidgade.

33       E partiram de Hor-Hagidgade, e acamparam-se em Jotbatá.

34       E partiram de Jotbatá, e acamparam-se em Abrona.

35       E partiram de Abrona, e acamparam-se em Ezion-Geber.

36       E partiram de Ezion-Geber, e acamparam-se no deserto de Zim, que é Cades.

37       E partiram de Cades, e acamparam-se no monte Hor, no fim da terra de Edom.

38       Então Arão, o sacerdote, subiu ao monte Hor, conforme ao mandado do Senhor; e morreu ali no quinto mês do ano quadragésimo da saída dos filhos de Israel da terra do Egito, no primeiro dia do mês.

39       E era Arão da idade de cento e vinte e três anos, quando morreu no monte Hor.


Lucas 4.31-44

31       E desceu a Cafarnaum, cidade da Galiléia, e os ensinava nos sábados.

32       E admiravam a sua doutrina porque a sua palavra era com autoridade.

33       E estava na sinagoga um homem que tinha o espírito de um demônio imundo, e exclamou em alta voz,

34       Dizendo: Ah! que temos nós contigo, Jesus Nazareno? Vieste a destruir-nos? Bem sei quem és: O Santo de Deus.

35       E Jesus o repreendeu, dizendo: Cala-te, e sai dele. E o demônio, lançando-o por terra no meio do povo, saiu dele sem lhe fazer mal.

36       E veio espanto sobre todos, e falavam uns com os outros, dizendo: Que palavra é esta, que até aos espíritos imundos manda com autoridade e poder, e eles saem?

37       E a sua fama divulgava-se por todos os lugares, em redor daquela comarca.

38       Ora, levantando-se Jesus da sinagoga, entrou em casa de Simão; e a sogra de Simão estava enferma com muita febre, e rogaram-lhe por ela.

39       E, inclinando-se para ela, repreendeu a febre, e esta a deixou. E ela, levantando-se logo, servia-os.

40       E, ao pôr do sol, todos os que tinham enfermos de várias doenças lhos traziam; e, pondo as mãos sobre cada um deles, os curava.

41       E também de muitos saíam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo.

42       E, sendo já dia, saiu, e foi para um lugar deserto; e a multidão o procurava, e chegou junto dele; e o detinham, para que não se ausentasse deles.

43       Ele, porém, lhes disse: Também é necessário que eu anuncie a outras cidades o evangelho do reino de Deus; porque para isso fui enviado.

44       E pregava nas sinagogas da Galiléia.


Salmos 64
 1         OUVE, ó Deus, a minha voz na minha oração; guarda a minha vida do temor do inimigo.

2         Esconde-me do secreto conselho dos maus, e do tumulto dos que praticam a iniqüidade.

3         Que afiaram as suas línguas como espadas; e armaram por suas flechas palavras amargas,

4         A fim de atirarem em lugar oculto ao que é íntegro; disparam sobre ele repentinamente, e não temem.

5         Firmam-se em mau intento; falam de armar laços secretamente, e dizem: Quem os verá?

6         Andam inquirindo malícias, inquirem tudo o que se pode inquirir; e ambos, o íntimo pensamento de cada um deles, e o coração, são profundos.

7         Mas Deus atirará sobre eles uma seta, e de repente ficarão feridos.

8         Assim eles farão com que as suas línguas tropecem contra si mesmos; todos aqueles que os virem, fugirão.

9         E todos os homens temerão, e anunciarão a obra de Deus; e considerarão prudentemente os feitos dele.

10       O justo se alegrará no Senhor, e confiará nele, e todos os retos de coração se gloriarão.


Provérbios 11.22
 22       Como jóia de ouro no focinho de uma porca, assim é a mulher formosa que não tem discrição.

2 comentários: